Colunistas


Geraldo Bastos

Fale com Geraldo Bastos: gbastos@grupoatarde.com.br

Tendências & Mercado

Dom, 13/11/2016 às 12:16 | Atualizado em: 13/11/2016 às 12:16

Bahia ganha novo centro logístico

gbastos@grupoatarde.com.br

Um consórcio formado pelas empresas baianas Andrade Mendonça, FCK Construções e Incorporações e Gráfico Incorporadora vai investir nos próximos anos cerca de  R$ 500 milhões na construção de um polo empresarial no município de Conceição da Feira, a 130 km de Salvador. Batizado de Centro de Logística e Multiúso 101 (CLM 101), o empreendimento vai ocupar uma área de 1,39 milhão de metros quadrados, nas margens da BR-101, vizinho à Ferrovia Centro-Atlântica e integrado às BR-116 e BR-324. Contará com infraestrutura completa (saneamento, rede de fibra ótica, vias de acesso e energia) e lotes e galpões que irão atender a diversos setores da economia, como o segmento de logística, indústrias e empresas atacadistas e comerciais. Terá ainda áreas para armazenagem e distribuição, posto de combustível e de serviços. De acordo com o plano urbanístico e arquitetônico do CLM 101, 80% do terreno será dividido em glebas para a implantação dos negócios. Os 20% restantes serão de áreas comuns para vias e praças. “Vive-se um novo momento no Brasil. E a iniciativa privada tem que fazer a hora. Não pode ficar esperando acontecer. Iniciativas como o CLM 101 desoneram o estado de investimentos em infraestrutura e impulsionam a economia, gerando emprego e renda”, afirma o presidente da Andrade Mendonça, Antônio Andrade Jr.

Setor aéreo emprega 287 mil pessoas 

O setor de aviação emprega  na Bahia 287 mil pessoas, contribui com R$ 1,1 bilhão em impostos e gera outros R$ 2,6 bilhões em salários. E mais: a atividade foi responsável, em 2015, por 3,3% da produção estadual, algo em torno de 
R$ 14,1 bilhões. Os números fazem parte do levantamento “Voar por Mais Brasil – Os Benefícios da Aviação nos Estados”, que acaba de ser lançado pela Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear). O estudo revela ainda que Salvador e Porto Seguro concentram 90% dos embarques em voos domésticos realizados no estado. Também chama a atenção para a baixa participação dos embarques de carga aérea doméstica e internacional no estado – no ano passado, foram transportadas 16 mil toneladas de produtos. Apenas para efeito de comparação, os aeroportos dos estados do  Ceará e de Pernambuco embarcaram  mais de 24 mil toneladas no ano passado. “A participação dos embarques de carga aérea doméstica e internacional da Bahia, em relação ao total do Brasil, foi de apenas 2,9% e 2,1%, respectivamente. Esses valores são pequenos se comparados com sua participação na economia brasileira, o que se explica pelo modesto desempenho de sua indústria de transformação em anos recentes”, conclui o levantamento.

Black Friday cresce no estado 

A edição deste ano da Black Friday – maior data promocional do calendário do varejo nacional, que acontece no próximo dia 25 – deve movimentar, somente na Bahia, R$ 67,1 milhões. Para Salvador, a projeção é que o total de compras ultrapasse R$ 38,5 milhões. O crescimento dos negócios tanto no estado quanto na capital baiana será da ordem de 34% em relação ao evento do ano passado. Segundo Ricardo Bove, diretor do portal blackfriday.com.br, idealizador do evento no Brasil, a estimativa foi gerada a partir do histórico das edições anteriores e com base no tráfego do portal. “A Bahia é o oitavo estado do país com o maior volume de negócios, e Salvador é a oitava cidade em vendas”, diz Bove. De acordo com ele, os produtos mais desejados pelos consumidores de Salvador neste ano devem ser smartphones (21%), notebooks (9%), TVs  (5%), eletrônicos (5%), eletrodomésticos (4%), moda (4%), viagens (3%), ar-condicionado (3%), geladeiras e refrigeradores (2%) e roupas masculinas (2%). “A ação pegou. As pessoas já colocaram no calendário e esperam a Black Friday para comprar e aproveitar os descontos. E num período como esse de crise, a previsão é que o consumidor valorize ainda mais seu dinheiro, pesquisando mais as melhores ofertas. Enfim, comprar mais com menos”, afirma Bove, que destaca neste ano uma maior participação do segmento de viagens, com a participação de empresas como a CVC e a Azul Linhas Aéreas.

Barra ganha mais seis novas lojas

Mais seis novas operações serão inauguradas este ano no Shopping Barra. No segmento de moda e acessórios, chegam este mês a loja Aramis (piso L3), a marca baiana Sou Dila (L4) e a Paula Franc (L4). Ainda em novembro, no piso L3, será instalada uma unidade da Swarovski, conhecida por suas joias em cristal, e uma outra da Crocs, do segmento de calçados confortáveis e divertidos. Em dezembro entra em operação a Iplace – especializada em iPhones. Para o início de 2017, o shopping deverá ganhar a Loja Camicado e uma agência do Itaú. 

Brotas Center  – Já o Brotas Center, que no mês passado comemorou 30 anos de atividade, inicia no próximo dia 21 sua campanha de Natal. A cada R$ 150 em compras nas lojas do shopping, no período de 21/11 a 31/12, o cliente concorrerá a sorteios de 10 vales-compra no valor R$ 500 cada. A decoração para o Natal foi inaugurada no último dia 7, tendo como tema o Natal Tradicional, com destaque para os adornos com as cores características da época. Ainda será realizado concurso de vitrines entre os lojistas. 

.A importância da tecnologia e da inovação para alavancar o setor do turismo será o tema principal do Fórum TurisTIC Brasil, que será realizado nestas quinta e sexta-feiras, no Sheraton Bahia Hotel, em Salvador. O   evento internacional é realizado pela Eurecat (Centre Tecnològic de Catalunya) e pela Barcelona Media Inovação Brasil, tendo a correalização do Sebrae.

Período

Colunista:

Coluna:

De:

Até: