Pular navegação e ir direto para o conteúdo

Fale com a Redação

Sáb , 15/09/2012 às 09:33

Jorginho descarta saída e segue no cargo comando do Bahia

Diego Adans

Você:


Seu Amigo:


Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com ","(vírgula).

Ex.: nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Máximo 200 caracteres


(*) Todos os campos são obrigatórios

Reportar Erro:

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo A TARDE preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Máximo 200 caracteres

(*) Todos os campos são obrigatórios

-A A+
  • Fernando Amorim | Ag. A TARDE

    Jorginho é o grande responsável pela melhora do Bahia no 2º turno do Brasileirão

Angustiante. Assim pôde ser definida a sexta-feira para a torcida tricolor. Tudo por conta do interesse do Palmeiras na contratação de Jorginho para substituir o técnico Luiz Felipe Scolari, recém-demitido. Principal responsável pela recuperação do time com a empolgante campanha no returno - 11 pontos em 15 possíveis, com três vitórias e dois empates (aproveitamento de 73,3%) -, o técnico descartou uma possível saída do Esquadrão de Aço.

Na coletiva concedida na tarde de sexta-feira, 15, no Fazendão, Jorginho se apegou aos princípios morais como justificativa para recusar a proposta alviverde. Porém, é bem verdade, deixou nas entrelinhas de seu discurso que, caso houvesse liberação da diretoria do Bahia (do presidente Marcelo Guimarães Filho e do gestor Paulo Angioni), teria, sim, aceito o convite.

"Meus pais, lá atrás, ensinaram-me a ter certos princípios na vida. Um deles foi o de honrar os compromissos. A partir do momento em que o presidente não liberou a minha saída, não tinha porque (deixar o Bahia). Todo mundo sabe da minha relação com o Palmeiras. Foi por esse clube que hoje estou aqui. Respeito muito o Palmeiras, mas, se estivesse lá, faria a mesma coisa. Não sairia para clube nenhum sem o consentimento do presidente", afirmou Jorginho, que, em princípio,  tem contrato com o Bahia até dezembro. Porém, nos bastidores, fala-se que o vínculo com o tricolor será estendido por mais um ano, com um reajuste salarial, como forma de estabelecer fidelidade.

Proposta convidativa

A oferta palmeirense foi bastante tentadora. O time paulista propôs a Jorginho salário fora do padrão nordestino - extra-oficialmente, algo em torno de R$ 500 mil mensais (no Bahia, receberia R$ 200 mil) -, além de um bom prêmio para manutenção do ameaçado time paulista na elite nacional.

O presidente palmeirense, Arnaldo Tirone, usou ainda do fator psicológico. Na carreira como jogador, o ex-meia Jorginho defendeu as cores do time paulista no início da década de 90. Seu primeiro trabalho como técnico foi no Comercial, de São Paulo. Porém, Jorginho se destacou como treinador na equipe de juniores do Porco.

Após a saída de Vanderlei Luxemburgo do comando do time principal, em 2009, o ex-meia assumiu a equipe. Na época, fez campanha impecável. Em sete jogos, somou cinco vitórias, um empate e uma derrota. Depois, Muricy Ramalho assumiu o time e Jorginho virou auxiliar.

Ao sair do Verdão, passou por Goiás, Ponte Preta, Portuguesa e Atlético-PR até chegar ao Bahia. Questionado sobre o que faria caso houvesse a liberação da diretoria do Bahia, o técnico escorregou. "A realidade é essa. Não adianta falar de hipótese. Eu tenho vontade de ter o meu filho ao meu lado, meu pai. Mas nem sempre a vontade é feita", disse. Por fim, cravou: "Posso estar errado. Se os resultados não ajudarem, serei mais um. Mas ao menos vou dormir".

comentários(4)
  • + recentes
  • + votados
  • comentar

    Esqueceu sua senha?

    Digite aqui seu e-mail

    Esqueceu seu login e/ou senha?

Incolor de Aço, 16/09/2012 às 18:55

MAIS uma AJUDINHA do JUIZ (falta CLARA e indiscutível no goleiro) para o jahia conseguir vencer. Se o Figueirense tivesse feito um GOL assim o presidente da TV SARDINHA já estaria no Twitter dizendo que foi ROUBADO. Não bastou o gol 1 km Impedido no Sport. APITO AMIGO e TAPETÃO. Este é o jahia!!!!

Incolor de Aço, 16/09/2012 às 18:53

MAIS uma AJUDINHA do JUIZ (falta CLARA e indiscutível no goleiro) para o jahia conseguir vencer. Se o Figueirense tivesse feito um GOL assim o presidente da TV SARDINHA já estaria no Twitter dizendo que foi ROUBADO. Não bastou o gol 1 km Impedido no Sport. APITO AMIGO e TAPETÃO. Este é o jahia!!!!

Incolor de Aço, 16/09/2012 às 18:44

MAIS uma AJUDINHA do JUIZ (falta CLARA e indiscutível no goleiro) para o jahia conseguir vencer. Se o Figueirense tivesse feito um GOL assim o presidente da TV SARDINHA já estaria no Twitter dizendo que foi ROUBADO. Não bastou o gol 1 km Impedido no Sport. APITO AMIGO e TAPETÃO. Este é o jahia!!!!

Incolor de Aço, 16/09/2012 às 18:36

MAIS uma AJUDINHA do JUIZ (falta CLARA e indiscutível no goleiro) para o jahia conseguir vencer. Se o Figueirense tivesse feito um GOL assim o presidente da TV SARDINHA já estaria no Twitter dizendo que foi ROUBADO. Não bastou o gol 1 km Impedido no Sport. APITO AMIGO e TAPETÃO. Este é o jahia!!!!

ver mais

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

outras notícias

12/04/2014 às 20:00

Técnicos de Bahia e Vitória repetem duelo do 'mistério'

23/03/2014 às 10:14

Dupla Ba-Vi aposta em Talisca e José Wellison para vencer

15/03/2014 às 12:11

Torcedor já pode comprar ingressos para o BaVi

09/03/2014 às 20:21

Torcedoras do Bahia ganham presente no Dia da Mulher

As torcedoras do Esporte Clube Bahia ganharam um presente...

< >

Imprimir

imagem

Antes de imprimir lembre-se da sua responsabilidade e comprometimento com o meio ambiente.

Se preferir, envie por e-mail ou gere um arquivo em .pdf

Deseja realmente imprimir? nãosim

Botão Fechar
Copyright © 1997 - Grupo A TARDE.Todos os direitos reservados.
Rua Prof. Milton Cayres de Brito n° 204 - Caminho das Árvores - Salvador/BA. CEP: 41.820 - 570 Tel.: ( 71 ) 3340 - 8500 | Redação: ( 71 ) 3340 - 8800
últimas notícias