Pular navegação e ir direto para o conteúdo

Fale com a Redação

Qui, 20/09/2012 às 00:12 | Atualizado em: 21/09/2012 às 18:11

Geddel recusa convite para palanque de Pelegrino

Regina Bochicchio e Biaggio Talento

Você:


Seu Amigo:


Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com ","(vírgula).

Ex.: nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Máximo 200 caracteres


(*) Todos os campos são obrigatórios

Reportar Erro:

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo A TARDE preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Máximo 200 caracteres

(*) Todos os campos são obrigatórios

-A A+
  • Gildo Lima | Agência A TARDE

    Geddel diz ser engano de Wagner achar que ele está contrariado com apoio de Dilma a Palegrino

O governador Jaques Wagner (PT) disse nesta quarta, 19, que considera "equivocada" a intenção do PMDB de apoiar o candidato ACM Neto (DEM) no provável segundo turno na disputa pela Prefeitura de Salvador  e convidou o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) a subir no palanque do candidato petista, Nelson Pelegrino. O peemedebista tem sugerido em declarações para a imprensa que apoiará Neto na segunda etapa do pleito.

Geddel teria ficado irritado com a participação da presidente Dilma Rousseff (PT) no programa eleitoral do candidato petista e de ela ter preterido o peemedebista, Mário Kertész.  Os dois partidos são aliados no governo federal. "Se depender de convite, eu convidarei (o PMDB)  para o palanque do Nelson Pelegrino. Essa composição me parece mais racional na política", afirmou o governador, argumentando que não acha razoável o apoio do PMDB a um "arquiadversário" do projeto político nacional.

Wagner lembrou que Dilma só entrou na campanha num momento em que a disputa está polarizada. "O fato de a presidente Dilma entrar no programa de Nelson Pelegrino não pode irritar ninguém. Há uma disputa com o DEM, e um candidato da base está bem na frente. Esse é o mesmo critério que eu uso. Eu não entro nos locais onde tem uma disputa entre os nossos. Quando tem uma disputa entre os nossos, e alguém é adversário, eu espero  passar um pouco, como ela esperou. Pois na medida em que vai se consolidando uma polarização, ela (Dilma) vem ajudar a sua base", disse Wagner.

Irritação e medo - Geddel, principal liderança peemedebista baiana, disse ser  "erro de avaliação do governador" pensar que ele está contrariado com a participação de Dilma na campanha de Pelegrino. "Tenho irritação e medo com duas coisas: irritação com o governo fraquíssimo que ele  (Wagner) faz no Estado  e medo com a possibilidade de o PT repetir o desempenho pífio na Prefeitura de Salvador".

Recusando, a princípio, o convite de subir no palanque petista no segundo turno, caso  Kertész não passe, Geddel "agradeceu o convite" e a "lhaneza pessoal" de Wagner, que minimizou o prejuízo com a possível perda de apoio do PMDB num segundo turno. "Do ponto de vista de TV, não altera, pois os tempos são iguais no segundo tempo. Do ponto de vista do eleitorado, eu sinceramente acho que o eleitorado sempre decide com cabeça própria. Isso não quer dizer que eu ache ideal que o PMDB não venha apoiar Nelson Pelegrino", disse.

Essa é a segunda vez que o PMDB, partido da base do governo federal, vê seu candidato ser preterido por Dilma na Bahia. A primeira vez foi em 2010, quando  Geddel foi candidato ao governo contra Wagner.

comentários(0)
  • comentar

    Esqueceu sua senha?

    Digite aqui seu e-mail

    Esqueceu seu login e/ou senha?

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

outras notícias

21/07/2014 às 07:37

Agenda dos candidatos ao governo da Bahia

Lídice da Mata (PSB) Pela manhã, participa de encontro...

27/04/2014 às 09:43

Batalhas judiciais tentam equilibrar programas eleitorais

Especialista na área de direito eleitoral, o advogado...

15/07/2014 às 07:34

Especialista faz análise dos sites de campanha na Bahia

Mesmo com o advento das redes sociais, os sites continuam...

23/07/2014 às 07:23

Confira a agenda dos candidatos ao governo da Bahia desta 4ª

Lídice da Mata (PSB) Pela manhã, concede entrevista à...

< >

Imprimir

imagem

Antes de imprimir lembre-se da sua responsabilidade e comprometimento com o meio ambiente.

Se preferir, envie por e-mail ou gere um arquivo em .pdf

Deseja realmente imprimir? nãosim

Botão Fechar
Copyright © 1997 - Grupo A TARDE.Todos os direitos reservados.
Rua Prof. Milton Cayres de Brito n° 204 - Caminho das Árvores - Salvador/BA. CEP: 41.820 - 570 Tel.: ( 71 ) 3340 - 8500 | Redação: ( 71 ) 3340 - 8800
últimas notícias