Pular navegação e ir direto para o conteúdo

Fale com a Redação

Qui, 15/08/2013 às 09:15 | Atualizado em: 15/08/2013 às 09:47

Índia procura vítimas de submarino que explodiu

Você:


Seu Amigo:


Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com ","(vírgula).

Ex.: nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Máximo 200 caracteres


(*) Todos os campos são obrigatórios

Reportar Erro:

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo A TARDE preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Máximo 200 caracteres

(*) Todos os campos são obrigatórios

-A A+
  • Reprodução

    No momento da explosão, alguns tripulantes mergulharem no mar

Mergulhadores da Marinha indiana entraram em submarino que foi atingindo por duas explosões, mas ainda precisam encontrar os 18 marinheiros que podem estar mortos no interior da embarcação, afirmou uma fonte naval. O submarino de fabricação russa também havia sido danificado em uma explosão mortal em 2010 e só recentemente voltou a operar.

O primeiro-ministro da Índia, Manmohan Singh, afirmou que estava profundamente triste pela morte na explosão e incêndio ocorridos ontem. "18 bravos marinheiros valentes podem ter perdido suas vidas", disse ele em breves comentários nesta quinta-feira, durante um discurso para marcar o aniversário da independência da Índia 1947 da Grã-Bretanha. "Nós homenageamos esses corações valentes que perdemos."

O oficial da Marinha disse, em condição de anonimato, que a água estava sendo bombeada do submarino inundado, para que ele possa ser levantado completamente para superfície. Ele está parcialmente submerso em uma doca em uma base naval de Mumbai, com uma porção visível acima da linha d'água.

Saiba mais

Segundo a fonte, não houve nenhum contato com os marinheiros desde as explosões, que iluminaram o céu acima da base. O funcionário disse que parece não haver nenhuma maneira de os marinheiros terem sobrevivido à intensidade das explosões e ao fogo.

"Nós esperamos o melhor, mas temos de nos preparar para o pior", afirmou o almirante DK Joshi, chefe da marinha, ontem em Mumbai. 

comentários(0)
  • comentar

    Esqueceu sua senha?

    Digite aqui seu e-mail

    Esqueceu seu login e/ou senha?

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

outras notícias

19/10/2014 às 12:00

Hospitais dos EUA se preparam para pânico do Ebola - Foto: Brandon Wade | Agência Reuters

Hospitais dos EUA se preparam para pânico do Ebola

20/10/2014 às 11:56

Casal faz sexo no mar e fica com as partes íntimas grudadas

Um casal italiano tentou "sair da rotina" e acabou em uma...

20/10/2014 às 09:00

Japão: ministras renunciam após denúncia de irregularidades - Foto: Agência Reuters

Japão: ministras renunciam após denúncia de irregularidades

20/10/2014 às 08:15

Ebola: OMS declara Nigéria livre do vírus

A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou...

< >

Imprimir

imagem

Antes de imprimir lembre-se da sua responsabilidade e comprometimento com o meio ambiente.

Se preferir, envie por e-mail ou gere um arquivo em .pdf

Deseja realmente imprimir? nãosim

Botão Fechar
Copyright © 1997 - Grupo A TARDE.Todos os direitos reservados.
Rua Prof. Milton Cayres de Brito n° 204 - Caminho das Árvores - Salvador/BA. CEP: 41.820 - 570 Tel.: ( 71 ) 3340 - 8500 | Redação: ( 71 ) 3340 - 8800
últimas notícias