Pular navegação e ir direto para o conteúdo

Fale com a Redação

Seg, 22/10/2007 às 18:08

Salvador está sob alerta de surto de rubéola

A Tarde On Line

Você:


Seu Amigo:


Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com ","(vírgula).

Ex.: nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Máximo 200 caracteres


(*) Todos os campos são obrigatórios

Reportar Erro:

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo A TARDE preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Máximo 200 caracteres

(*) Todos os campos são obrigatórios

-A A+

Funcionários de um supermercado, localizado em Itapagipe, chamam a atenção da Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado, que alerta a população de Salvador para um possível surto de rubéola. No estabelecimento foram notificados sete casos suspeitos, sendo que dois já foram confirmados.

Este ano, até o dia 13 de outubro, foram notificados 2.008 casos suspeitos de rubéola no estado, sendo 30 confirmados. Desses, 25 aconteceram em Salvador, dois em Lauro de Freitas, dois em Feira de Santana e um em Vitória da Conquista, conforme revela a coordenadora do programa de Imunização da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Fátima Guirra.

“O estado e o município de Salvador estão em alerta máximo para conter o surto e prevenir a ocorrência de novos casos”, declara Guirra. Ela afirma ainda que já vêm ocorrendo surtos da doença no país, principalmente nos estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo.

A distribuição dos casos confirmados, por sexo e por faixa etária, mostra que a maior ocorrência de casos está entre homens (80%) e na faixa etária dos 20 aos 29 anos (68,4%).“De acordo com a distribuição cronológica semanal da rubéola na Bahia, este ano, observou-se que a partir da 34ª semana epidemiológica, a ocorrência de casos supera a incidência média esperada e vem mantendo uma tendência crescente”, disse a coordenadora.

Providências - Para conter e prevenir os surtos de rubéola no estado, a Vigilância Epidemiológica está adotando uma série de providências. Entre elas a notificação imediata dos casos suspeitos e investigação até 48 horas e a intensificação das ações de vacinação de rotina, reforçando o acesso ao grupo masculino até 39 anos.

Além disso, estão sendo intensificadas as ações de bloqueio vacinal frente aos casos suspeitos de sarampo e rubéola em até 72 horas da notificação. Também estão sendo intensificadas as ações de busca ativa nas unidades de saúde da rede pública e privada; nas áreas de abrangência dos casos suspeitos/confirmados para identificação de contatos, casos secundários e gestantes com suspeita de rubéola nas áreas de risco, com baixa cobertura vacinal, áreas de fronteira e turísticas, para identificação de casos suspeitos e vacinação.

comentários(0)
  • comentar

    Esqueceu sua senha?

    Digite aqui seu e-mail

    Esqueceu seu login e/ou senha?

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

outras notícias

14/09/2014 às 12:59

Av. Paralela tem trânsito intenso por conta do Salvador Fest - Foto: Google Maps | Reprodução

Av. Paralela tem trânsito intenso por conta do Salvador Fest

18/08/2014 às 07:00

Novo viaduto do Imbuí vai facilitar acesso ao centro - Foto: Joá Souza | Ag. A TARDE

Novo viaduto do Imbuí vai facilitar acesso ao centro

10/07/2014 às 09:20

Ucsal inscreve em curso de extensão em inglês

Estão abertas até 4 de agosto as inscrições para o curso...

21/09/2014 às 18:12

Morre homem baleado no Loteamento Vila Nova Pituaçu

O morador do Loteamento Vila Nova Pituaçu, Orlando de...

< >

Imprimir

imagem

Antes de imprimir lembre-se da sua responsabilidade e comprometimento com o meio ambiente.

Se preferir, envie por e-mail ou gere um arquivo em .pdf

Deseja realmente imprimir? nãosim

Botão Fechar
Copyright © 1997 - Grupo A TARDE.Todos os direitos reservados.
Rua Prof. Milton Cayres de Brito n° 204 - Caminho das Árvores - Salvador/BA. CEP: 41.820 - 570 Tel.: ( 71 ) 3340 - 8500 | Redação: ( 71 ) 3340 - 8800
últimas notícias