Metropolitana

Da Redação Sex , 24/01/2020 às 10:30 | Atualizado em: 24/01/2020 às 13:46

Castelo Garcia D’Ávila em Praia do Forte sedia projeto de jazz



Durante três sextas-feiras, a começar por esta (24), sempre a partir das 17h, o Castelo Garcia D’Ávila, na Praia do Forte, vai sediar o "Jazz no Castelo", evento integra a programação do Projeto Arte e Cultura do Litoral, que oferece música de qualidade, atividades culturais locais e gastronomia. Com entrada gratuita, a apresentação terá como atrações, nesta primeira edição, o grupo Geleia Solar e a pianista, flautista e arranjadora Debora Gurgel.

A abertura do "Jazz no Capão ficará por conta dos músicos do Conservatório de Música e Dança de Mata de São João. O evento terá, ainda, apresentação de capoeira, exposição fotográfica e estandes gastronômicos do restaurante Taverna Paradiso, da cervejaria Port Royale e da hamburgueria Rota Burguer.

A representante da Fundação Garcia D’Ávila (FDG), Thaise Costa Pinto, o Arte e Cultura do Litoral tem como objetivo promover o intercâmbio cultural entre os artistas da região e músicos que atuam nacionalmente para uma troca de influências e referências. “Em segundo plano, mas não menos importante, o projeto procura fazer com que o Castelo Garcia D´Ávila, construção datada do ano de 1551 e importante patrimônio histórico do Brasil, seja, além de um ponto turístico do Litoral Norte, um centro de cultura e entretenimento”.

As atrações – Liderado pelo baterista Ivan Huol, o Geleia Solar traz a essência do jazz contemporâneo, com influências nacionais e latino-americanas, como o baião, o samba, a bossa nova, a salsa e a forte tradição percussiva da música baiana. O grupo é formado, ainda, por André Becker (sax), Bruno Aranha (teclado), Gabi Guedes (percussão), Ivan Bastos (baixo), Jordi (guitarra), Lorena Martins (bateria), Matias Traut (trompete) e Rowney Scott (sax).

Debora Gurgel vai apresentar suas composições de jazz, também com influência de ritmos brasileiros. A artista participou de projetos importantes do gênero, como a Orquestra Sinfônica de Jazz de São Paulo, a Orquestra Jovem Tom Jobim, a Lilian Carmona Big Band e o grupo Septeto S/A. Além do improviso e de compor para todos os instrumentos, Gurgel é também professora de piano.

O projeto é idealizado pela Fundação Garcia D’Ávila, responsável pela gestão do Castelo, e tem o patrocínio do Hiperideal, através do Fazcultura, do Governo do Estado da Bahia, e apoio da Prefeitura de Mata de São João. T