Nordeste Baiano

Claudia Lessa Qui , 12/07/2018 às 17:17 | Atualizado em: 12/07/2018 às 17:17

Mais 150 cisternas irão beneficiar comunidades rurais de Canudos



Através do Projeto Cisternas, desenvolvido pelo Consórcio Sustentável Território do São Francisco (CONSTESF), a Prefeitura Municipal de Canudos adquiriu 150 cisternas, que irão atender às necessidades básicas de saneamento de consumo das comunidades da zona rural do município. Na quarta-feira (11), a ONG Nordeste Digital – responsável pela construção das tecnologias –, o CONSTESF e a gestão municipal realizaram reunião de mobilização das famílias para esclarecer as etapas do processo.

O projeto consiste na instalação de cisternas de placas de 16 mil litros para captação e armazenamento de água de chuva, associada à capacitação e formação para a gestão da água. As etapas são: seleção e cadastramento das famílias; capacitação de beneficiários sobre o uso adequado da cisterna e sobre a gestão da água armazenada; e capacitação de pessoas responsáveis pela construção das cisternas.

O prefeito de Canudos, Genário Rabelo, ressalta que esta não é a primeira vez que a prefeitura leva o Projeto Cisternas para Canudos. Até o momento, contabiliza, já são mais de 320 tecnologias entre cisternas para consumo humano e cisternas para produção e barreiros, beneficiando as famílias da zona rural canudense. “Esta tem sido uma conquista importante, pois tem garantido uma convivência digna da população com o semiárido. Essas tecnologias sociais proporcionam o acesso à água de qualidade e em quantidade suficiente para o consumo humano a famílias de baixa renda e residentes na zona rural. Tudo isso significa mais saúde, dignidade e qualidade de vida para o povo", relata o gestor municipal.