Sul Baiano

Claudia Lessa Qua , 13/06/2018 às 18:58 | Atualizado em: 13/06/2018 às 19:00

1º Fórum de Turismo de Itacaré discute a qualificação dos serviços turísticos



Ações para qualificação dos serviços turísticos foram discutidas nesta quarta-feira (13), no 1º Fórum de Turismo de Itacaré, realizado pela Prefeitura Municipal de Itacaré. Participam do evento – que prossegue até sexta-feira (15) – empresários e trabalhadores do turismo na Costa do Cacau. Durante o painel "Inteligência Empresarial em Turismo e Hotelaria", a técnica da SETUR, Isamara Moura, apresentou o programa de Controle de Qualidade para os Meios de Hospedagem e o Cadastur 3.0, nova versão do Sistema Nacional de Cadastro dos Prestadores de Serviços Turísticos.

Acesso a financiamentos em bancos oficiais e participação em licitações e em programas de qualificação, conta Isamara Moura, são algumas das vantagens para as empresas estarem em dia no Cadastur, que trata-se de um banco de dados do Ministério do Turismo, operado em parceria com as secretarias estaduais do Turismo. Já para o turista, a principal vantagem é a certeza de contratar serviços de qualidade, de forma segura. O cadastro é obrigatório para as agências de viagens, meios de hospedagem, transportadoras turísticas, guias de turismo, dentre outras atividades. O novo sistema, implantado no Nordeste, em fevereiro, facilitou o processo de cadastramento das empresas. Agora, os trâmites podem ser feito pela internet.

A equipe da SETUR, conforme a técnica do órgão, realiza vistorias periódicas na rede hoteleira baiana com o intuito de estimular hotéis e pousadas a oferecerem serviços com cada vez mais qualidade. O trabalho, explica, consiste na avaliação de itens como higiene, segurança, registro de clientes e políticas de preservação do meio ambiente. Após análise, a Setur emite um relatório que aponta possíveis deficiências e sugestões para melhoria. Neste semestre, meios de hospedagem de 16 municípios foram avaliados, dentre eles Amargosa, Santo Antônio de Jesus e Cruz das Almas, municípios com forte tradição de festas juninas. “É uma fiscalização preventiva, similar a uma consultoria personalizada, com o objetivo de contribuir para a prestação de serviços de excelência”, pontua. Somente passam pelo controle de qualidade hotéis e pousadas que estão em dia no Cadastur.